PERIGO POR ENCOMENDA

premium-rush-poster-2

7.0Em Manhattan, um ciclista-mensageiro (Joseph Gordon-Levitt) recebe um envelope que atrai a atenção de um policial corrupto (Michael Shannon), que passa a perseguir o ciclista por toda a cidade.

Filme ligeiríssimo do bom David Koepp, um dos melhores e mais prolíficos roteiristas da história do cinema, tendo escrito mais de 25 roteiros filmados, entre eles diversos sucessos de bilheteria como MISSÃO IMPOSSÍVEL, JURASSIC PARK: PARQUE DOS DINOSSAUROS, GUERRA DOS MUNDOS entre tantos outros. Como diretor, Koepp é mais discreto, mas ainda assim, diversos títulos chamam a atenção, como A JANELA SECRETA, com Johnny Depp e ECOS DO ALÉM, com Kevin Bacon. Aqui, Koepp sai de seu estilo mais comedido e voltado para o suspense, e dirige um filme acelerado, curto, e que vai direto ao assunto, sem muitas novidades. O tema dos ciclistas-mensageiros em apuros já foi utilizado no longínquo ano de 1986, em QUICKSILVER: O PRAZER DE GANHAR, tendo Kevin Bacon como protagonista. Mas aqui, com as inovações tecnológicas e fotográficas, o filme ganha demais em dinamismo e acaba sendo interessante de se ver. Em alguns momentos, o filme detalha as trajetórias dos ciclistas utilizando animações do Google Earth e de dispositivos GPS, o que só colaboram para o bom ritmo do filme. O filme também ganha pontos com a dupla de protagonistas. Joseph Gordon-Levitt, que é o ator do momento em Hollywood, tendo atuado em inúmeros bons filmes nos últimos anos, como A ORIGEM, LOOPER e O CAVALEIRO DAS TREVAS RESSURGE, e o ótimo e esquisitão Michael Shannon, de POSSUÍDOS, O ABRIGO e no vindouro SUPERMAN: O HOMEM DE AÇO, onde viverá o vilão General Zod. Levitt mostra que realmente tem carisma para segurar um filme, e Shannon rouba o show, no papel do cínico tira corrupto. Mas nem tudo são flores. Em alguns momentos, o filme chega a ser meio bobo, com soluções fáceis e difíceis de engolir, o que compromete a veracidade do todo. PERIGO POR ENCOMENDA é diversão rápida e fácil, feita com muita competência, mas longe de ser memorável. Ah! A canção Teenage Wasteland do The Who que toca ao final da película ajuda a dar mais meio pontinho para a métrica do filme. SONZAÇO!

VEJA O TRAILER DO FILME AQUI:

Anúncios

Deixe seu comentário...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s