BATMAN: O CAVALEIRO DAS TREVAS

Exif

10Obra-prima. Fato! O melhor filme de super-herói de todos os tempos, que conseguiu a façanha de ser o primeiro filme a romper o preconceito da Academia, que pela primeira vez, indicou à prêmios Oscar um filme de ação/fantasia. Mais precisamente, indicado à 8 estatuetas, levando duas, a principal, e com extrema justiça, a de Melhor Ator Coadjuvante para Heath Ledger, por sua atuação como o anárquico vilão Coringa.

dark_knight_ver12_xlg

O CAVALEIRO DAS TREVAS rompeu barreiras, e redefiniu o conceito do gênero “filme de super-herói” no cinema. Isso porque pegou um dos heróis mais conhecidos do grande público, Batman, e o distorceu. O colocou contra seus próprios conceitos. Quase forçando o herói a assumir o papel de justiceiro, e a quebrar sua única regra: NÃO MATAR. O roteiro do filme, escrito por Christopher Nolan e seu irmão, Jonathan Nolan, é um filme policial/suspense, em que o personagem do Batman é imerso, e onde até mesmo ele, não tem certeza de como transitar, de como reagir às ameaças ao seu redor.

dark_knight_ver10

Batman, pela primeira vez, é realmente ameaçado. Cortesia de um dos maiores vilões já criados na telona: O Coringa de Heath Ledger. Sua performance é monstruosa. Merecedora de cada grama da estatueta do Oscar que recebeu. Sua maquiagem borrada, cabelos desgrenhados, voz aguda e perigosa e sua risada enlouquecida, tornaram seu personagem um ícone. Só por isso, O CAVALEIRO DAS TREVAS já seria um ótimo filme. Mas tem mais, muito mais. Novamente, o elenco é espetacular, contando com os mesmos nomes do filme anterior nos papéis centrais, com a adição de Aaron Eckhart, como o promotor de justiça, Harvey Dent, vítima de um destino trágico no filme. A trilha-sonora, composta novamente pelo maestro Hans Zimmer, consegue ser ainda melhor e mais vibrante do que a do primeiro filme, o Som, os Efeitos-Sonoros, talvez os melhores já renderizados no cinema, além da Fotografia ESPETACULAR de Wally Pfister, colaborador constante de Nolan em suas produções. Pfister conseguiu transformar Gotham City em uma metrópole pela primeira vez no cinema. Tudo no filme é grandioso, inteligente.

0600000743QBr0.qxd

ATENÇÃO: A cena do interrogatório em que Batman fica frente à frente com o Coringa é soberba. Esta cena é, isoladamente, quase que a responsável pela total subversão do mito do Homem-Morcego e de sua nêmesis, o Coringa, no cinema. Cada diálogo, cada nuance, e principalmente a atuação sobrenatural de Ledger tornam esta cena, algo mítico. Algo que enquanto assistimos, temos a total consciência de que estamos vendo algo além. Algo distinto e poderoso. Obs.: A cena, e o filme em si, se tornam ainda mais emblemáticos, graças ao trágico fato de Heath Ledger ter falecido após sua derradeira performance como o Coringa. Ledger faleceu antes de poder ver o filme pronto, e seu Oscar foi ganho de maneira póstuma.

VEJA O TRAILER DO FILME AQUI:

Anúncios

Deixe seu comentário...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s